No menu items!
16.6 C
Vila Nova de Gaia
Sexta-feira - 19 Abril 2024

EXCLUSIVO: Braga a cidade vibrante e mais jovem do país

Destaques

Bom Jesus

Prosseguindo a nossa viagem por “Terras Lusa” deparamo-nos com a bela cidade de Braga. Cidade milenar, tem muitas histórias para contar, é considerada a cidade mais jovem do país, 60.264 residentes com idades entre os zero e os 29 anos. Esta sua vivacidade também se deve à vida estudantil, com a Universidade do Minho, de referência a nível nacional e internacional. É uma cidade onde há muita emigração, mas também sabe acolher aos que decidiram viver na cidade, encontrando-se uma expressiva comunidade Brasileira em terras de “Bracara Augusta”.

jardim de Santa Bárbara

Com mais de 2000 anos de história, Braga é a mais antiga cidade portuguesa e uma das cidades cristãs mais antigas do mundo. Fundada pelos romanos no ano 16 a.C. e denominada de “Bracara Augusta” em honra do imperador César Augusto, foi capital da Galécia, de onde irradiavam 5 Vias Romanas, com um vasto território que ia desde o Norte do Douro até ao Cantábrico. Após conquistas e reconquistas de vários povos, o rei de Leão, D. Afonso IV doou-a como dote a sua filha D. Teresa, aquando do seu casamento com o Conde D. Henrique de Borgonha.

A longa história de Braga é visível nos seus monumentos e igrejas, sendo a Catedral a mais imponente que exibe vários estilos, do romano ao barroco, orgulhando-se também das esplêndidas casas, particularmente do século XVIII. Cidade jovem, cosmopolita e multicultural, Braga exibe com confiança um amplo leque de cenários de sucesso e prosperidade, estendendo os seus braços tutelares e empreendedores a áreas tão vitais como a cultura, o comércio, a indústria e os serviços.

Presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio

Quem nos visita tem a possibilidade de assistir a um programa turístico-cultural diversificado, fazendo um percurso civilizacional documentado desde a Pré-História até aos nossos dias e viver a autêntica cultura do Minho, gravada no vasto património, nos grupos etnográficos, nas festas, feiras e romarias, bem como no artesanato rico e variado.

Braga foi o concelho do país que registou o maior crescimento no número de habitantes. Os resultados dos Censos 2021 dão conta de um total de 193.324 cidadãos residentes, sendo que o concelho ganhou 11.830 habitantes numa década, o que representa um aumento de 6,5%.

Sameiro

Considerado o concelho mais jovem do país, Braga conta com 60.264 residentes com idades entre os zero e os 29 anos. A qualidade de vida e as migrações são os principais fatores do aumento do número de habitantes do concelho nos últimos 10 anos. Braga é conhecida pela sua rica herança cultural, incluindo a sua arquitetura histórica, festivais tradicionais, e por ser um centro religioso significativo em Portugal devido ao Santuário do Bom Jesus do Monte.

Além disso, Braga tem uma economia diversificada, com destaque para sectores como o turismo, serviços, comércio e indústrias. O património cultural e religioso, aliado às atividades económicas da cidade, contribuem para seu valor global.

Sé de Braga

Braga tem assumido um papel determinante na captação de investimento. Fruto dessa capacidade de atrair investimento empresarial suscetível de contribuir para a criação de emprego, para a valorização dos recursos endógenos e para a diversificação da nossa base económica, Braga é atualmente um dos concelhos mais exportador de Portugal.

A colaboração ativa dos agentes locais, contribuiu decisivamente para o reconhecimento internacional de Braga e esta é a dinâmica que queremos continuar a fomentar em vários sectores de atividade. Em termos endógenos, Braga distingue-se por uma série de vantagens competitivas que, potenciadas pelos esforços encetados pelo Município, fazem de Braga um território de excelência para investir.

Braga Romana

Podemos aludir ao posicionamento estratégico em termos geográficos (a meia hora do Aeroporto Francisco Sá Carneiro ou do Porto de Leixões, servida por uma vasta rede de auto-estradas e a menos de uma hora de Vigo). Podemos referir uma ampla base de recrutamento de profissionais jovens e qualificados, numa cidade que acolhe quase 20.000 universitários e que tem cerca de 40% da população abaixo dos 30 anos de idade.

Aliás, em função da sua qualidade de vida, Braga tem atraído profissionais de todos os pontos do País, e acolhe já cidadãos de mais de 100 nacionalidades. Acresce, um conjunto de centros de conhecimento extremamente qualificados, ligados à Universidade do Minho e ao Laboratório Internacional de Nanotecnologia, bem como uma rede de empresas com forte vocação exportadora.

Avenida da Liberdade

Os pontos fortes incluem ainda o nosso património histórico e cultural, com uma variedade de monumentos, igrejas, museus e festivais que atraem visitantes de todo o mundo. Somos conhecidos pelas nossas instituições de educação de prestígio, como a Universidade do Minho, que contribui para a inovação e o desenvolvimento da região e oferecemos qualidade de vida, num ambiente seguro, com boas infra-estruturas e acesso a espaços verdes e áreas naturais.

Mas Braga tem ainda muitos desafios pela frente como a melhoria no sistema de transporte público, para isso, contamos com o sistema de Bus Rapid Transit (BRT) que vai transformar a mobilidade em Braga, ligando diversos polos geradores de tráfego na cidade, como a estação de comboios, o Centro Coordenador de Transportes de Braga, a Universidade do Minho, o Hospital, superfícies comerciais e zonas de maior densidade populacional.

No primeiro semestre de 2023, Braga registou 285.845 dormidas (+6,3% que no período homólogo de 2022), e, pela primeira vez, verificou-se um número de dormidas de estrangeiros superior ao número de dormidas de cidadãos nacionais. Braga registou 285.845 dormidas, mais 6,3% que no período homólogo de 2022.

O número de hóspedes ultrapassou os 150 mil, o que correspondeu a mais 11.137 hóspedes que em 2022, ou seja, um crescimento de 7,8%. Tendo por base os dados revelados pelo INE para o mês de Julho de 2023, houve um crescimento de 5,1% no número de dormidas e uma diminuição do número de hóspedes (-3,3%), face ao período homólogo. Relativamente a 2019, verificou-se a mesma tendência para o mês de Julho, com um aumento de 4,3% nas dormidas e uma redução de 2,7% nos hóspedes.

Menos clientes, mas ficam mais tempo. Se compararmos os primeiros sete meses de 2023 com o ano anterior, Braga já recebeu 186.178 hóspedes (+5,7% que no período homólogo) e cresceu 6,1% nas dormidas, com 353.676 dormidas. Face a 2019, o número de dormidas aumentou 0,3% e o número de hóspedes diminuiu 7%, o que se traduz numa maior estada média por parte de quem se hospeda em Braga.

Pela primeira vez, Braga é o principal destino da região do Cávado, com uma quota de 61% no total do número de dormidas nesta região e, também, o terceiro município mais procurado no Norte, região liderada pelas cidades do Porto e de Vila Nova de Gaia. Os principais mercados emissores em Braga são o espanhol, francês e inglês.

Para um visitante ou emigrante que deseja explorar Braga, há uma variedade de atrações e atividades interessantes para aproveitar. Desde logo o Santuário do Bom Jesus do Monte, património Mundial da UNESCO desde 2019. Este é um dos marcos mais emblemáticos de Braga, conhecido por sua escadaria barroca e belas vistas panorâmicas da cidade.

Os visitantes podem subir os degraus a pé ou usar o funicular para chegar ao topo. Também a Catedral de Braga (Sé de Braga), uma das mais antigas do país e apresenta uma mistura de estilos arquitetónicos que refletem séculos de história. O nosso Centro Histórico é também uma experiência única, aliado aos Museus e Galerias que exploram diferentes aspetos da nossa cultura e história, como o Museu dos Biscainhos, o Museu da Imagem e ou Museu D. Diogo de Sousa.

A nossa Gastronomia é uma parte essencial de qualquer visita a Braga, com pratos tradicionais como o bacalhau à Braga, o arroz de pato e ou o pudim abade de priscos. Os Eventos e Festivais também fazem de Braga uma cidade para visitar ao longo de todo o ano como a Semana Santa, as Festas de São João, a Noite Branca ou a Braga Romana.

Ver Também

EXCLUSIVO: O Mundo das grandes Indústrias Farmacêuticas

Fomos ao mundo das grandes empresas farmacêuticas a nível mundial e o destino levou-nos a Basileia, na Suíça, onde...