No menu items!
16.6 C
Vila Nova de Gaia
Sexta-feira - 19 Abril 2024

EXCLUSIVO: “Quem sabe, talvez um dia eu volte com a família”

Destaques

Nome: Sérgio Costa

Idade: 36 anos

Profissão: Investigador na DTU Dinamarca

Onde vive: Dinamarca

Há quanto anos vive fora de Portugal: 14 anos

O que faz para matar as saudades de Portugal: Não sinto uma saudade particular de Portugal. Como se pode perceber pelo meu depoimento, há aspetos culturais que se refletem a nível profissional que eu, pessoalmente, não valorizo.

Confesso que tenho saudades das vivências na minha aldeia com os meus pais. Eles ainda praticam uma agricultura tradicional quase autossuficiente, um expoente de neutralidade carbónica.

Apesar de, como a maioria dos investigadores, promover métodos para reduzir as emissões de CO2, os meus pais, sem formação académica, são o exemplo perfeito de uma pegada ecológica quase neutra. Quem sabe, talvez um dia eu volte com a família.

Ver Também

EXCLUSIVO: O Mundo das grandes Indústrias Farmacêuticas

Fomos ao mundo das grandes empresas farmacêuticas a nível mundial e o destino levou-nos a Basileia, na Suíça, onde...