No menu items!
8.3 C
Vila Nova de Gaia
Sexta-feira - 1 Março 2024

Mapril Batista: um emigrante empreendedor de referência na comunidade portuguesa em França

Destaques

Uma das marcas mais características das comunidades portuguesas espalhadas pelos quatro cantos do mundo é indubitavelmente a sua dimensão empreendedora, como corroboram as trajetórias de diversos compatriotas que criam empresas de sucesso e desempenham funções de relevo a nível cultural, social, económico e político.

Nos vários exemplos de empresários lusos da diáspora, cada vez mais percecionados como um ativo estratégico na promoção e reconhecimento internacional do país, destaca-se o percurso inspirador e de sucesso do comendador Mapril Batista.

Natural do Bombarral, distrito de Leiria, Mapril Batistapartiu para França em 1963, com seis anos de idade, na companhia da mãe e do irmão mais velho, ao encontro da figura paterna que emigrara a “salto” em demanda de melhores condições de vida para uma família humilde, na esteira da larga maioria da população que durante a ditadura portuguesa vivia na pobreza.

Revelando desde muito cedo um espírito empreendedor, assim como uma personalidade abnegada e profundamente comprometida com o trabalho, o jovem bombarralense iniciou na década de 70 um trajeto socioprofissional que o catapultou para um dos empresários de referência da comunidade portuguesa em França.

Em 1976, após ter andado na escola até aos 16 anos, e tendo trabalhado numa companhia a montar telefones e noutra firma como chefe de equipa de pedreiros, Mapril Batista entrou numa empresa como motorista de ambulâncias. Nesse mesmo ano, casou com Maria de Lurdes Carruço, grande suporte e companheira de vida, e rapidamente redimensionou o modo de funcionamento da empresa, experiência que o impulsionou no final dessa década a lançar-se por conta própria nos serviços de transporte de doentes.

A sua notável capacidade empreendedora contribuiu para que nos anos 90 chegasse a ter 17 firmas, três centenas de funcionários e mais de 300 ambulâncias a circular nas estradas gaulesas, consolidando-se nesse período como um profissional de referência nos transportes sanitários em França.

Empresário multifacetado, com uma trajetória marcada pelo mérito e pela inovação, premissas que estão na base do prémio COTEC Portugal, que recebeu em 2013 das mãos do Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva. Assim como, das insígnias da Ordem de Mérito, grau de Comendador, que lhe foram atribuídas pelas autoridades portuguesas em 2018, Mapril Batista fundou no alvorecer do séc. XXI a “Les Dauphins”.

Uma empresa de fabrico e venda de ambulâncias adaptadas, que transaciona atualmente mais de mil veículos por ano e colocou já nas estradas gaulesas mais de 10 mil viaturas, com a particularidade, das viaturas serem fabricadas em Portugal. Contexto que concorre indelevelmente para que Mapril Batista seja conhecido como o “rei das ambulâncias”.

O sucesso que o emigrante bombarralense alcançou ao longo das últimas décadas, tem sido acompanhado de um apoio constante à comunidade luso-francesa. Destacando-se, entre outros, o seu relevante trabalho em campanhas solidárias dinamizadas no Lions Club de Montfermeil Coubron, e na Academia do Bacalhau de Paris. O seu papel cívico e político enquanto vereador e conselheiro na Câmara Municipal de Pomponne, comuna francesa localizada na região administrativa da Île-de-France, no departamento Sena e Marne. E a liderança, nos anos mais recentes, do Lusitanos de Saint-Maur, uma equipa de futebol dos arredores de Paris, representativa da comunidade portuguesa em França.

Entre os aspetos mais proeminentes do comendador Mapril Batista, um homem sempre ligado à família, sobressai ainda na sua dimensão benemérita, o profundo apego às suas raízes. Ainda no ocaso do ano de 2021, a delegação da Lourinhã da Cruz Vermelha Portuguesa foi contemplada, pelo empresário da “Les Dauphins”, com um VDTD – Veículo Destinado ao Transporte de Doentes não-urgentes. Não por acaso, Mapril Batista foi já distinguido pelos Municípios da Lourinhã e da Figueira da Foz, com as respetivas Medalhas da Cidade, como forma de reconhecimento pelo altruísmo e constante generosidade em prol destas populações.

Uma das figuras mais conhecidas da comunidade portuguesa em França, a mais numerosa das comunidades lusas na Europa, o exemplo de vida do emigrante empreendedor e benemérito Mapril Batista, inspira-nos a máxima do filósofo Albert Schweitzer: “Dar o exemplo não é a melhor maneira de influenciar os outros – é a única”.

Daniel Bastos - Professor/Historiador
Ver Também

Já foi atribuído o primeiro Abono de Família de forma automática

A Segurança Social passou a enviar por sua iniciativa a comunicação da atribuição do Abono de Família, logo após...